Imagem

IPv4 e IPv6: Desafios de Migração

As distribuições de endereços IPv4 acabaram em toda parte, exceto na África. Com os endereços IP globais no limite, os provedores de serviços precisam mudar para o IPv6. O NAT de grau de operadora BIG-IP (CGNAT) suporta endereços IPv6 e IPv4, sem atualizações de hardware dispendiosas. Pacotes IPv4 são encapsulados em um túnel IPv6 e enviados para um destino IPv4 externo.
Imagem

EFICIÊNCIAS DE LOGGING 
Trabalhando de maneira mais inteligente, economizando dinheiro

O BIG-IP CGNAT suporta o iPFIX para compactar o registro de NAT, levando a recursos de registro de alta velocidade. Reduz a quantidade de dados por entrada de log, minimizando os custos gerais. O BIG-IP CGNAT também permite a geração de logs de alta velocidade de eventos de segurança individuais.
Imagem

TRADUÇÃO DO ENDEREÇO ​​DA REDE

A funcionalidade NAT inclui:
• NAT44 para estender o uso de endereços IPv4.
• NAT 64 para permitir que terminais IPv6 acessem conteúdo e destinos IPv4.
• DNS64, que usa registros DNS AAAA, para que os endereços IPv4 possam ser vistos como IPv6.